terça-feira ,23 janeiro 2018

Home / Noticias / Sindicato denuncia falta de combustível em delegacias do Piauí

Sindicato denuncia falta de combustível em delegacias do Piauí

O Sindicato dos Delegados de Polícia Civil (Sindepol) emitiu uma nota na manhã desta quarta-feira (04) denunciando a constante falta de combustível nas delegacias do Piauí. A categoria afirma que houve o cortes nas linhas telefônicas, dificultando assim a comunicação dentro dos setores.
Andrea Magalhães, presidente do Sindepol
                                  Andrea Magalhães, presidente do Sindepol

Em nota, a presidente do sindicato, Andréa Magalhães, fala que “o estado de crise generalizada em que Polícia Civil se encontra, a qual influencia em problemas e falhas de recursos humanos e estruturais, é resultado do descaso e abandono por parte do governo do Estado, o que acaba resultando no crescimento alarmante da criminalidade no Piauí”, diz a delegada.
Na denúncia consta aindaque o abandono acontece tanto na capital como no interior. “Inexistência de condições mínimas de investigação, viaturas velhas e sucateadas, delegacias e insalubres e a carência de delegados, agentes e escrivães são algumas das dificuldades que a categoria enfrenta, afirma.

CONFIRA A NOTA NA ÍNTEGRA

“O Sindicato dos Delegados de Polícia Civil vem denunciar a falta de combustível nas delegacias do Piauí e também a corte das linhas telefônicas.  A crise generalizada da Polícia Civil, a qual recai na problemática de falta de recursos humanos e estruturais, é resultado do descaso do governo do Estado, refletidos em números alarmantes de criminalidade.
Na capital e no interior os distritos seguem sem condições mínimas de investigação, com viaturas sucateadas, delegacias insalubres, carência de delegados, agentes e escrivães.”

Você pode Gostar de:

z

Fabio Sérvio novidade na política do Piauí

Compartilhe no WhatsAppNeste ano que começa já dá inicio também as conversações e acordos para …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *